• domingo, 1 de agosto de 2010

    Leitura orante da bíblia

    “A leitura Orante exige do jovem discípulo três atitudes: escuta, compromisso de vida e perseverança”.

    1° Passo: Prepare o ambiente- O ambiente merece grande consideração. Ele é de grandíssima utilidade para recolher-se e colocar-se à escuta. Com o barulho de tantas vozes e interesses que nos arrastam para fora de nossa intimidade, é difícil ler na postura de que escuta. O ambiente idôneo favorece a concentração na leitura e a abertura à escuta. Não há duvida de que a leitura possa ser feita em qualquer lugar. Basta que se tenha a capacidade de se recolher.

    Prepare na casa ou em outro lugar de sua preferência, um “lugar sagrado”, onde haja os seguintes elementos: uma vela, uma Bíblia, uma musica suave, incenso, cadeira, banquinho ou almofada para se sentar. Desligue o telefone, a campainha, deixe recado dizendo que você não está... por alguns momentos.

    Procure uma posição que não canse e favoreça a concentração. A postura corporal é muito importante. Ela revela a intenção íntima de cada um e aumenta a concentração.

    2° Passo: Invoque o Espírito Santo- Com os olhos fechados, dê alguns minutos para que a “poeira” de seus pensamentos e ações se assente um pouco. Respire profundamente e devagar várias vezes, colocando-se na presença de Deus. Respire paz, tranqüilidade, harmonia...., expire insegurança, medo, tensão... Através um canto, um mantra conhecido ou de uma oração, peça as luzes do Espírito Santo. Sem a força do Espírito de Deus o esforço será inútil.

    Mantra é um meio para se chegar a este estado de oração com o Senhor. Consiste em repetir várias vezes, aumentando e diminuindo o tom de uma “fórmula sagrada” (um refrão de musica conhecida), que lentamente penetrará no subconsciente, atingindo até os níveis mais profundo de nossa personalidade. É assim que nos preparamos para entrar no mundo de Deus e para sentir sua proximidade, pois ele está bem perto de nós (Sl 119, 151)

    3° Passo: Ler: conhecer, situar e respeitar -Escolha um texto de sua preferência ou utilize os textos da liturgia dominical ou da semana, e pratique a Leitura Orante diariamente. Lembre-se de que na leitura nos aproximamos do texto para entende-lo, levando em consideração as influencias econômicas, políticas, sociais e religiosas da época em que foi escrito, para quem, por quem, e por que razão foi escrito. Leia atentamente, a meia voz, várias vezes, se possível sublinhando anotando e comparando o texto com outros textos semelhantes. Também é importante ler a introdução do livro bíblico, as notas de rodapés e o texto anterior e posterior ao que foi escolhido para se ter uma visão de conjunto. Deve-se, acima de tudo respeitar o texto.A pergunta chave nesse momento é: o que esse texto tinha a dizer naquela época? Outras perguntas podem igualmente ajudar: Quais as palavras-chaves do texto, lugares, personagens que aparecem e o que fazem? Quais os sinais de morte que estão no texto? Que sinais de vida/esperança o texto anuncia?

    4° Passo: Meditação: ruminar, dialogar, atualizar-Uma vez entendido o texto em seu contexto e época, agora é o momento de ver o que Deus tem a dizer hoje. Não importa se o texto tem dois mil anos ou mais; seus valores permanecem. Medita-se dialogando com o texto, fazendo pergunta e respondendo-as.A pergunta de orientação nesse momento é: O que esse texto tem a me dizer hoje? Que versículo mais me chamou minha atenção? Que atitude me sugere e me revela? Como fazer meus os valores que apresenta? Que aspecto de minha vida precisa ser mudado?

    5° Passo: Oração: suplicar, louvar, recitar -Tudo o que foi lido e meditado é agora transformado em uma conversa orante e agradável com Deus. Até então foi só ele quem falou, agora é minha vez de falar com ele. A oração é o instante no qual você é convidado a falar com Deus através do louvor, do agradecimento, do pedir, do suplicar, do oferecer, do interceder, do perdão dirigido a ele: “Senhor, eu te peço...; obrigado, Senhor...; ajuda-me a cumprir Tua vontade...”. A pergunta chave é: o que a leitura e meditação me fazem dizer a Deus?

    6°Passo: Contemplação: ver, saborear, agir- A contemplação é outra forma de oração. Contemplar é ver com outros olhos e perceber o que as analises sozinhas não conseguem. É sentir, pela fé, quase intuitivamente, a presença da Santíssima Trindade ao nosso lado. Esta presença esta proximidade tornam-se sempre mais silenciosas, como em um passeio entre “o amado e a amante”em que, num certo momento, após o diálogo e a alegria do reencontro, fica simplesmente um perto do outro. Não se diz mais nenhuma palavra, falam apenas com os olhos e o coração.Esse passo está muito ligado ao anterior; às vezes, não percebemos quando termina um e começa o outro. Você deve se perguntar: O que esse texto sugere para minha vida diária?

    7° Passo: Assuma um compromisso de vida- O método da Leitura Orante da Bíblia é como uma seta: indica o caminho; mostra o que é que Deus quer de nós. O mesmo Deus que estava presente no texto lido, meditado, orado e contemplado e que respondia ao grito do povo sofredor (Ex3,7-8), está e estará sempre presente na nossa vida, falando conosco a partir de nossa realidade. E sua fala é sempre um apelo a um compromisso pessoal e comunitário com a vida, com os outros, com a transformação da história (Ex3,9-10). Tome um versículo, ou frase do texto bíblico, para guardar consigo durante o dia. Repita-o e assim estará lembrando do compromisso assumido.

    8° Passo: Encerre a oração- À exemplo dos amantes e dos amigos, quando chega o momento de ir embora, não se levanta simplesmente e partem, mas se despedem um do outro com um abraço, um beijo, trocam-se carinhos e promessas de um novo encontro. Assim também, na oração, há necessidade de se despedir, de encerra-la não com um ADEUS, mas com um ATÉ LOGO, desejoso de um novo encontro, pois assim como na relação de um casal ou de uma amizade diminui se não há momentos de encontro e intimidade, do mesmo modo que nossa fé se debilita se não nos recolhemos em oração. A oração poderá ser encerrado com um pai-nosso e um canto de sua preferência.


    9° Passo: Avalie a Leitura Orante- Como foi fazer a leitura da Bíblia com este método? O que você mais gostou? Onde e qual foi sua maior difilcudade? Se possível anote num caderno ou em seu diário espiritual.

    ‘Fala senhor que teu servo escuta”(1Sm 3,10)
    “Faça-se em mim segundo a Tua Palavra”(Lc1,38).

    “Toda a manhã Ele me Desperta, sim, Desperta o meu ouvido para que eu o ouça como um discípulo” (Is 50,4)


    Reações:

    Um comentário:

    1. A leitura orante da bíblia é muito bonita e forte, as vezes perdemos a busca por ela, justificada pela falta de tempo e correria.Acredito muito na oração do cotidiano,do dia em que vivo, mas temos que buscar um equilibrio...
      belo post!
      abraços!

      ResponderExcluir